Parece que, pelo menos por enquanto, as Universidades Federais não irão para o espaço. Segundo o astronauta e futuro ministro da Ciência, Tecnologia e Comunicação, Marcos Pontes, as UFs ficarão no ministério da Educação.

LEIA TAMBÉM: Bolsonaro manda a comunicação para o espaço

Mas, a julgar pelo notório apreço (!) que o presidente eleito tem pelo livre pensamento e pela educação pública, o futuro das instituições federais de ensino é incerto e duvidoso.

LEIA TAMBÉM: STF confirma suspensão de ações policiais nas universidades

Marcos Pontes disse também que os Correios não devem ser privatizados (ainda).

As afirmações foram feitas nesta quinta-feira (6) em entrevista concedida na sede do gabinete de transição.

Com informações do G1.

Publicação de: Blog do Esmael