O golpe de 2016 foi desmascarado pelo poder do samba. Desde 2016, milhões de textos e vídeos foram feitos e não conseguiram denunciar ao Brasil e ao mundo, com a mesma clareza da escola de Samba Paraíso da Tuiuti, que houve um golpe de Estado no Brasil que derrubou Dilma Rousseff com a finalidade oculta de implantar “reformas” que tirariam dos trabalhadores pobres para dar aos patrões ricos.

A Paraíso da Tuiuti passou pelo Sambódromo, no domingo (11), com um desfile de forte crítica social e política. O tema principal, expresso no título do samba, “Meu Deus, Meu Deus, Está Extinta a Escravidão?”.

A escola levou para a avenida a ideia de que a exploração dos escravos prossegue, de outras formas, nos dias atuais.

A estratégia da escola foi surpreender sobretudo a Globo, que, avisada do que viria, poderia tentar esconder a avassaladora crítica política contra um golpe que a emissora apoiou. A Tuiuti deixou para a parte final do desfile um carro alegórico que trazia, no alto, um homem com a faixa presidencial, intitulado “vampiro neoliberalista” – uma alusão crítica ao presidente Michel Temer.

Mas esse foi só o princípio da denúncia histórica contra o golpe parlamentar de 2016 e na exposição dos inocentes úteis que funcionaram como fantoches de grupos econômicos e políticos que financiaram manifestações contra Dilma usando pessoas preconceituosas e desinformadas que se vestiram com a camiseta da Seleção de futebol brasileira para ajudar esses poderosos a tirarem os direitos trabalhistas daquela massa  de  manobra.

Estava chegando uma ala da escola chamada “Manifestoches”, com passistas fantasiados de patos, sugeria que manifestantes foram fantoches em protestos políticos.

Outra ala lembrava do trabalho informal, numa referência explícita à reforma trabalhista. A escola usou sambistas vestidos de “carteira de trabalho” para explicar às pessoas que tudo aquilo ocorreu no Brasil com a finalidade de dar aos mega empresários folhas de pagamento mais baratinhas.

Não existe a menor dúvida de que o Brasil sairá do Carnaval de 2018 e entrará no ano eleitoral de 2018 mais consciente de que deve votar na esquerda para tentar desfazer a manipulação que levou muitos “manifestoches” e “protestantoches” de teclado a ajudarem os donos do dinheiro a meterem a mão nos próprios bolsos dos incautos.

Assista, abaixo, à reportagem em vídeo.

 

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=hhCP2GVPFuM]

O post Samba da Tuiuti desmascara golpe e humilha coxinhas apareceu primeiro em Blog da Cidadania.

Publicação de: Blog da Cidadania